Skip to Content

Universidades do Paraná e do Líbano assinam parceria

Copyright © 2010 Icarabe.org

No dia 5 de outubro, uma delegação da Universidade Federal do Paraná (UFPR), que esteve no Líbano, assinou um acordo de cooperação com a Universidade Saint-Esprit de Kaslik (USEK)  para promover o intercâmbio de professores e estudantes. A parceria faz parte do programa de internacionalização do ensino da UFPR e se estabelece como a primeira atividade de cooperacao bilateral do Centro de Estudos e Culturas da América Latina da Usek (Cecal) fundado neste ano.

Saiba mais: Universidade libanesa inicia centro de estudos sobre América Latina

"O Líbano é um país estratégico. Apesar dos problemas políticos, o país tem se desenvolvido e temos um ensino parecido. Queremos aproveitar este bom momento para expandir nossas relacõess com este país com o qual temos muitas ligações ", afirmou o professor Alzir Feippe Buffara Antunes, responsável pelas relações internacionais da UFPR. Segundo ele, além da parceria com a USEK, está para ser assinado um acordo de intercâmbio com a Universidade de Saint-Joseph, em Beirute.

A delegação brasileira visitou ainda a Universidade Libanesa. "Estou bastante animado com as conversas", disse Antunes, que também acredita que sairá um acordo com a aquela instituição, que é a única pública das três visitadas. Segundo ele, as universidades libanesas recebem muitos estudantes estrangeiros, principalmente da Europa.

Na USEK, a delegação do Paraná foi recebida pelo reitor da universidade, Hady Mahfouz, quem assinou o acordo e falou sobre a importância do intercâmbio de alunos entre as universidades. "Este encontro com a delegação da UFPR é ocasião para explorar as diferentes possibilidades de colaboração acadêmica e universitárias entre as duas instituições e de intercâmbio de diferentes pontos de vista", afirmou Mahfouz, em nota transmitida por Robeto Khatlab, diretor do Cecal. Como primeiro passo, dezenas de obras editadas pela Editora da UFPR já foram doadas ao novo centro.

Durante a reunião com a presença do professor Felippe, foram analisadas as perspectivas de intercâmbio, sobretudo nas áreas de economia, gestão e idiomas. Por outro lado, a USEK tem uma excelente qualidade no ensino de genética, bioquímica, recuperação de documentos históricos e informática, considerada a melhor da região. Em março haverá um seminário sobre as perspectivas de educação na América Latina e Oriente Médio. O reitor da UFPR, Zaki Akel, será o convidado de honra.

Segundo Khatlab, a América Latina é uma das regiões do mundo que acolheu grande parte da emigração libanesa e do Oriente Médio. “Paradoxalmente, as riquezas culturais e econômicas da América Latina são pouco conhecidas no Oriente Médio. A difusão de informações poderá estreitar ainda mais as relações entre as duas regiões”, acredita o pesquisador. O embaixador do Brasil no Líbano, Paulo Roberto Tarrisse da Fontoura, acompanhou a delegação do Paraná nas visitas.

Compartilhe e divulgue!
ICArabeInstituto da Cultura árabe (da redação)

Comentários

Comentar